Eu te amo

É muito difícil você colocar em palavras algo que é indizível. Ou será difícil a questão de abrir seu coração? Afinal, é o seu mais íntimo, seu universo particular. Confesso que paro e penso tudo que eu tenho para dizer, mas não faço ideia de como fazer isso. Devo começar pelo começo de tudo? Pelo quanto somos potência? Pelo quanto eu me completo ao seu lado?

Talvez, esteja difícil, por esse ser o texto mais difícil da minha vida. É o texto que vai me acompanhar por toda a vida. Bom, vou tentar então: mesmo antes de você, tudo era só você. Quando eu te conheci foi tamanha a sincronicidade do universo que só posso supor que este universo fez sua dança para que pudéssemos estar juntos. Depois, tudo começou a fazer mais sentido, começou a ficar mais claro.

Você não sente? Aquele vento que hoje sopra mais forte, mas também mais doce. Aquela canção que toca mais alto, mas também mais fundo. Aquele sonho que se tornou realidade, mas sempre um sonho. Eu olho para você, eu penso em nós, e sei que o divino existe: está na nossa conexão que vai além de qualquer materialidade, está na simplicidade da rotina que nos faz mais felizes. Afinal, temos as canções só nossas, as piadas só nossas, os filmes só nossos. Todo um universo que é só nosso.

Hoje eu olho para trás e vejo que tudo nos trouxe até hoje, tudo está nos levando para os nossos sonhos e nosso futuro. Mas, o melhor de tudo: eu, você, nós e o infinito seguindo o mistério dos cosmos.

Posted on September 14, 2016 .